Conselhos Celeiro: a importância da hidratação
Verão
Conselhos Celeiro: a importância da hidratação

O nosso corpo é constituído maioritariamente por água, que tem várias funções vitais, desde a manutenção da circulação sanguínea, regulação da temperatura corporal e inclusive é o meio que permite o contacto muscular.
A regulação da temperatura corporal no verão faz-se pelo aumento da sudorese. As perdas de suor variam de pessoa para pessoa, de acordo com a genética individual e o tamanho corporal. Há indivíduos que tendencialmente suam mais com o aumento da temperatura ambiente, ou da humidade, ou do aumento da prática de atividade física.
Este verão, quando treinar, tenha em mente: de acordo com um estudo publicado no periódico British Journal of Nutrition, as bebidas à base de proteínas lácteas poderão ser mais eficazes do que as bebidas contendo hidratos de carbono, na melhoria da retenção hídrica após o exercício físico.

Bebida WheyProtein, sabor laranja, MULTIPOWER, 500ml
Bebida à base de proteína de soro de leite e edulcorante.
Sugestão de utilização: Beber durante ou após o exercício físico. Agitar antes de abrir.
Conservar em local seco e fresco. Depois de aberto conservar no frigorífico e consumir
num período de 48 horas.

Água de coco Bio Dr. António Martins: 1L; 330ml; 500ml
O sumo natural retido dentro da polpa do coco, trata-se na realidade de uma bebida refrescante que pode ser denominada como a primeira bebida isotónica natural que sacia a sede.

Chá frio maçã e sabugueiro TEEKANE 18 saquetas
Chá frio morango e laranja TEEKANE 18 saquetas
Para uma bebida refrescante e cheia de sabor, estas saquetas são práticas para preparar chá frio e manter-se hidratada durante todo o verão.

Para saber se está desidratada, faça este pequeno teste:
1) Não costuma fazer pausas durante o dia para beber água, mesmo não tendo sede?
2) Sente-se fatigada ou com tonturas?
3) Tem cãibras enquanto se exercita em dias de temperatura elevada?

Basta ter respondido sim a uma das questões e terá que realmente estar mais atenta durante este verão e começar, por exemplo, por beber água ou outros líquidos, mesmo não sentindo sede!
• Quando há desidratação, o seu volume sanguíneo baixa. Isto acelera a frequência cardíaca para compensar a diminuição do fornecimento sanguíneo aos órgãos. A sensação de esforço aumenta com a desidratação.
• A desidratação pode originar vários problemas associados ao calor, tais como: dor de cabeça, tonturas, náuseas, vómitos, fraqueza, falta de concentração, irritabilidade, confusão e desorientação.
• Nem só os líquidos contribuem para uma óptima hidratação. A alimentação é, de facto, um veículo privilegiado para assegurar ao seu organismo uma ingestão adequada de água.
• Os alimentos com teores superiores de água são geralmente menos calóricos, promovendo a saciedade e contribuindo para a hidratação. Escolha sobretudo frutas (melancia, citrinos, uvas, papaia, morangos, damascos e cerejas) e vegetais (cenouras, alface, tomate, pepino, abóbora, aipo, brócolos, couve flor e espinafres).
• Crianças e idosos são os grupos populacionais de maior risco, porque desidratam com maior facilidade. Proteja-se e proteja os seus, tendo sempre água disponível: em casa, na rua, na praia ou para onde quer que vá.
• Atenção: em viagem prefira água engarrafada, sobretudo se for para países tropicais e, também nestes países, evite o gelo, porque a água poderá não ser potável.

Voltar
Beauty Secrets
Top Tutoriais
Ver todos os tutoriais