Porque você merece saber tudo sobre Pele

Cuidados de Pele

Filtrar
Newsletter

Porque você merece saber tudo sobre Pele

Subscrever newsletter
OS EFEITOS DA MENOPAUSA NA PELE
Cuidados de Pele em momentos chave da vida
OS EFEITOS DA MENOPAUSA NA PELE

A pele reflete as diferentes fases da vida da mulher, por isso os cuidados devem ser adaptados de acordo com as necessidades. A fase da menopausa traz grandes mudanças, mas com uma rotina e estilo de vida adequados é possível preservar a pele mais jovem e saudável. O que acontece na menopausa? A menopausa é um momento de grandes alterações hormonais, de uma intensidade comparável à das mudanças físicas que ocorrem na adolescência - e, tal como a adolescente, que por vezes "não se reconhece" num corpo que se torna muito diferente, também a mulher madura tem alguma dificuldade em lidar com a nova realidade. A menopausa afeta cada mulher de maneira diferente, mas há sintomas comuns à maioria: - "afrontamentos" (sensação súbita de calor); - flutuações de humor; - suores noturnos; - insónias; - alterações no metabolismo (geralmente, maior dificuldade em perder peso). As hormonas têm um impacto direto na estrutura e no funcionamento da pele : - Desidratação; - Flacidez; - Manchas; - Tom mais apagado; - Perda de luminosidade; - Rugas mais acentuadas; - Olheiras, são alguns efeitos visíveis no rosto, provocados pela menopausa. O que fazer? Se prestar atenção às mudanças que nota na pele do seu rosto, poderá adaptar progressivamente a rotina de cuidados de beleza, e não sentirá alterações drásticas. De um modo geral, a sua pele vai precisar de um reforço de hidratação e nutrição, de mais proteção contra agentes externos como a poluição e o sol, de cuidados específicos com poder redensificante e refirmante, de cremes iluminadores e revitalizantes. A boa notícia é que existem linhas específicas para pele madura e em menopausa, cujas fórmulas contemplam já todas estas necessidades, de forma equilibrada. COMO CONTORNAR OS 5 SINAIS MAIS FREQUENTES DA MENOPAUSA NA PELE 1. Desidratação: A queda dos níveis de estrogénio, na menopausa, deixa a pele mais seca, mais fina, diminuindo a função protetora da pele. Compense essa quebra com cremes super nutritivos, para hidratar, reconfortar e reconstituir a proteção natural da pele. 2. Flacidez: A perda de densidade nas camadas internas, por falta de colagénio, e a redistribuição da gordura corporal faz com que a pele perca sustentação e elasticidade em áreas específicas, tais como o rosto, contorno dos olhos e pescoço. Recupere a firmeza com cuidados específicos refirmantes e redensificantes, complementados com séruns e curas intensivas. 3. Manchas castanhas: São causadas pela exposição ao sol, mas também pela idade. Para recuperar uma tez clara e luminosa, use cuidados corretores que atenuam o excesso de pigmentação e reforce a proteção solar para combater as manchas no rosto. 4. Rugas mais vincadas: A queda do estrogénio, a desidratação e a perda de firmeza acentuam as rugas. Daí a necessidade de cuidados antirrugas, sejam corretores e de preenchimento, ou preventivos. Uma boa hidratação também mantém a pele lisa e suave. 5. Perda de brilho e luminosidade: O rosto perde luminosidade e adquire um tom baço e apagado. Para compensar, aposte em cuidados revitalizantes e iluminadores, incluindo séruns. No dia-a-dia, utilize cremes hidratantes com cor. MELHORE A SUA QUALIDADE DE VIDA Para atenuar os sintomas desagradáveis da menopausa e sentir-se bonita e enérgica, aposte em hábitos saudáveis: - Faça exercício físico, para melhorar o humor, ativar o metabolismo e combater a osteoporose. - Não fume. - Modere o consumo de álcool. - Faça uma alimentação equilibrada, variada e baseada em alimentos frescos, da estação. - Fale com o seu médico sobre a eventual toma de suplementos. - Crie hábitos de sono regulares e descanse o suficiente. - Reconecte-se com a natureza: passeie no campo ou na praia, respire ar puro para reduzir o stresse. Veja o vídeo com a Dermatologista Dr. Ana Sofia Borges e saiba mais sobre os efeitos da menopausa na pele.

  • beauty secrets,
  • pele
Ácido Hialurónico: Ingrediente essencial para todas as idades
Cuidados de Pele
Ácido Hialurónico: Ingrediente essencial para todas as idades

O ácido hialurónico é o ingrediente-estrela do momento. Conheça os seus benefícios para todos os tipos de pele e idades, da pele jovem à pele madura. Com certeza já ouviu falar neste ingrediente que os dermatologistas utilizam nas conhecidas injeções para preenchimento de rugas. Mas essa é apenas uma das possíveis aplicações do ácido hialurónico ? uma vez que a sua principal função é de hidratação. Na indústria cosmética, está presente em diferentes cuidados de rosto; permite hidratar, redensificar e alisar a pele. Ajuda a reduzir rugas e linhas de forma natural, não agressiva e duradoura. À Lupa: O ácido hialurónico é uma substância natural que existe no corpo humano, com a função de puxar água de camadas inferiores da pele para manter as células da superfície (epiderme) hidratadas. Absorve até 1.000 vezes o seu peso em água, garantindo uma boa reserva na epiderme. A pele mais jovem produz bastante ácido hialurónico e por isso é naturalmente firme e lisa. Com o passar dos anos, a produção decai, e os cremes com uma concentração significativa desta substância ajudam a manter o nível antes produzido. Delicado e seguro Por ser de origem natural, o ácido hialurónico mostra boa afinidade com a pele e tem uma ação delicada, não agressiva que respeita a pele sensível. Como não contém óleo nem elementos gordos, é recomendado para pele oleosa. PARA QUEM? AOS 25 - 30 ANOS: Para a pele desidratada e desvitalizada, a precisar de um boost de energia no inverno. Para alisar as primeiras rugas e linhas de desidratação. Como rotina diária, para prevenir o aparecimento dos sinais de envelhecimento. AOS 40 ANOS: Para contrariar a crescente perda de volume e definição do rosto, pois nesta idade a diminuição do ácido hialurónico já é significativa. Para combater as rugas, que tendem a instalar-se, as fórmulas com ácido hialurónico preenchem a partir do interior e garantem uma boa reserva de hidratação. Para despertar a luminosidade na tez que mostra sinais de fadiga. AOS 50 ANOS: Para uma hidratação intensa, reconfortante e duradoura, nada melhor do que usar hidratantes com ácido hialurónico no dia-a-dia. Para compensar a perda de volume e densidade estrutural, que é drástica, porque a pele além de perder hidratação também perde os seus lípidos naturais. O impacto da menopausa na pele mostra as consequências no rosto: diminuição drástica da capacidade de hidratação, perda de volume e da definição dos contornos, falta de luminosidade. DICA: De vez em quando, aplique uma boa camada do seu creme hidratante com ácido hialurónico no rosto, e deixe atuar alguns minutos, como uma máscara intensiva, antes de massajar até a pele absorver tudo. HIDRATAÇÃO: O PRIMEIRO GESTO ANTIENVELHECIMENTO Uma pele bem hidratada é uma pele bonita. A água é vital para a regeneração celular e para a densidade, firmeza e luminosidade da epiderme. A desidratação dá um ar envelhecido à pele jovem e surgem as primeiras rugas ? mas não se deixe enganar, pois muitas vezes são só linhas de desidratação, e para este problema a solução ideal é usar cremes hidratantes com ácido hialurónico, juntamente com a proteção solar, são o programa de prevenção do envelhecimento que recomendamos a partir dos 25-30 anos.

  • beauty secrets,
  • pele
Pro-Retinol: O super ingrediente antirrugas e antimanchas
Cuidados de Pele
Pro-Retinol: O super ingrediente antirrugas e antimanchas

Graças as suas propriedades regeneradoras, o Retinol é o ingrediente-estrela dos melhores cosméticos antienvelhecimento. É eficaz tanto na prevenção e combate das primeiras rugas, como na correção daquelas já instaladas na pele. Saiba como incluí-lo na sua rotina de beleza. O QUE É O PRO-RETINOL? Pro-retinol é um ingrediente patenteado por L'Oréal Paris, ingrediente-chave dos produtos antienvelhecimento e antirrugas da marca. É um derivado da vitamina A e do retinol, dois ativos que promovem a regeneração da pele a um nível profundo, com efeito de rejuvenescimento visível à superfície. O retinol, naturalmente presente nas camadas superiores da pele, é atualmente um dos ingredientes ativos mais eficazes para combater o fotoenvelhecimento. QUAL É A SUA AÇÃO NA PELE? - Hidrata, tonifica e revitaliza o metabolismo celular. - Tem uma ação exfoliante que alisa a superfície e promove a renovação das camadas epidérmicas. - Eficaz na correção de rugas e manchas. - Estimula a produção de colagénio, essencial para manter a pele firme e flexível. QUAL O EFEITO DO PRO-RETINOL NAS RUGAS E MANCHAS? A ação exfoliante do Pro-Retinol remove a camada superior de células mortas da epiderme, revelando camadas mais jovens e suaves, ainda não danificadas por agentes externos. Assim, atenua rugas e manchas, e ao mesmo tempo estimula a renovação celular, para um resultado duplamente positivo: uma superfície mais lisa e luminosa, uma revitalização profunda. QUANDO E PARA QUEM? - Para as jovens que procuram o seu primeiro cuidado antirrugas, os cremes com Pro-retinol combinam hidratação com correção dessas primeiras rugas e manchas e, muito importante, previnem o seu reaparecimento. - Para todas as mulheres, na faixa dos 30-50anos, que apresentam rugas e outros sinais de fotoenvelhecimento no rosto. - Para mulheres na faixa dos 40-50 anos que já têm rugas e manchas instaladas: o Pro-Retinol reduz e corrige visivelmente as rugas horizontais e verticais. Também melhora a firmeza do rosto. COMO UTILIZAR OS SEUS CREMES COM PRO-RETINOL Deve incluir na sua rotina diária um creme de dia e creme de noite para garantir uma maior ação antirrugas. Se utilizar de forma consistente e continua cremes com Pro-retinol, o seu efeito anti-idade será potenciado. - O creme de dia hidratante com Pro-Retinol deve ser complementado com proteção solar, para a pele não ficar exposta aos danos dos raios UV. - O creme de noite com Pro-Retinol hidrata e estimula a regeneração celular e a renovação da pele durante o sono. - Aplique os seus cuidados de rosto na pele limpa, e não se esqueça de espalhar também no pescoço e colo. Experimente a Gama com Pro-Retinol de L'Oréal Paris: Revitalift Clássico para uma ação Antirrugas + Firmeza

  • beauty secrets,
  • pele
Rugas e papos nos olhos: saiba como combatê-los!
Cuidados de Pele
Rugas e papos nos olhos: saiba como combatê-los!

SABE PORQUE DEVE USAR UM CREME DE OLHOS? E QUE TIPO DE CREME DE OLHOS? Depois do verão, de volta ao ritmo acelerado do dia-a-dia, a prioridade é manter o ar descansado das férias! Vamos focar-nos no contorno dos olhos, que é onde surgem os primeiros sinais de cansaço. A pele do contorno dos olhos é muito fina, seca e delicada. Não produz os lípidos naturais que, no resto do corpo e rosto, protegem da desidratação. Por baixo da pele, o contorno dos olhos é uma área muito irrigada por vasos sanguíneos e linfáticos. À menor perturbação dessa circulação, a zona fica congestionada e inchada. Com o tempo, as olheiras instalam-se e os papos acentuam-se, podendo agravar a flacidez da pele. Se identificar a origem, será mais fácil resolver: stresse, perturbações do sono, má alimentação, alterações hormonais (gravidez, menopausa, alguns contracetivos que causam retenção de líquidos), o processo natural do envelhecimento, são algumas causas frequentes. Se ainda não usa, inclua um creme para o contorno dos olhos na sua rotina de cuidados diários para a pele. Há fórmulas específicas para hidratar, proteger, descongestionar, refirmar e/ou aclarar - para todos os tipos de pele e idades. Lembre-se: quanto mais cedo começar a ter este cuidado, mais jovem permanecerá a pele nesta zona do rosto. DICAS PARA REFORÇAR A EFICÁCIA DO SEU CREME DE OLHOS - Durma com uma almofada alta, pois com a cabeça elevada a retenção de líquidos é menor. - Guarde o seu creme de olhos no frigorífico - o frio tem efeito descongestionante. - Aplique na zona do osso, evitando chegar muito perto do olho. - Aplique com movimentos suaves, na parte superior e inferior do contorno dos olhos. Com a ponta do dedo, espalhe delicadamente com pequenas pancadinhas, de forma a ativar a microcirculação. CAUSAS DE DIFERENTES TIPOS DE OLHEIRAS Olheiras azuladas: quando a circulação sanguínea é má, o sangue acumula-se nos vasos capilares e o seu tom escuro vê-se à transparência, pois a pele é muito fina. Olheiras acastanhadas: quando, além da circulação, também há excesso de pigmentação. Afeta principalmente as pessoas morenas. A exposição ao sol agrava estas olheiras. Papos inchados: resultam da retenção de líquidos, por má drenagem do sangue e da linfa. Papos descaídos: com a idade, a pele descai e passa a ser um problema (também) de flacidez cutânea. No vídeo, a Dr.Ana Sofia explica que tipo de creme de olhos deve utilizar para reduzir os papos.

  • beauty secrets,
  • pele