Como posso proteger a minha pele da perda de densidade?

A nossa pele muda à medida que envelhecemos. Fica menos firme, aparecem rugas e manchas, fica flácida, mais seca e cada vez mais fina. Qual é a melhor forma de cuidarmos dela?

DICA
1

A pele madura é fina

Perda de densidade é um dos primeiros sinais de envelhecimento, quando a pele começa a perder espessura por volta dos 25 anos. E não há como escapar a esta parte inevitável do envelhecimento. Isto acontece quando a produção natural de ácido hialurónico começa a abrandar e a perder qualidade. Isto faz com que a nossa matriz extracelular perca densidade, o que resulta em flacidez no rosto, perda de definição dos contornos e pele mais fina. Também se podem tornar visíveis pequenas veias. Entre os 30 e os 80 anos, a regeneração das células da pele desce 50%, enfraquecendo a epiderme. A derme tem mais dificuldades em sintetizar o colágeno, elastina e ácido hialurónico. Além de pele mais fina, a barreira da epiderme também se enfraquece, o que significa que os danos por fatores ambientais têm maior impacto na pele. Resultado: a pele madura fica frágil, fina e pode dar a sensação de que está a desprender-se.
DICA
2

Como proteger a pele fina

Pode ajudar uma pele frágil e fina ao adaptar o seu regime de beleza para a proteger de dia e nutrir de noite. Use tratamentos ricos em ácido hialurónico para suplementar o stock natural da pele e melhorar a elasticidade. Prefira produtos com cálcio, que fortalece a barreira natural da pele, e Pro-xileno, que ajuda o rosto a ficar mais preenchido. À noite, aplique um hidratante para deixar a pele mais confortável. Adicione um sérum anti-envelhecimento ao seu tratamento, um com propriedades calmantes e refirmantes que deixem uma tez iluminada. O objetivo destes tratamentos? Deixá-la com uma pele suave e elástica, protegida contra fatores externos como poluição, tabaco e poeira.
Saltar o(a) slider: Revitalift Laser

Complete a sua rotina

Com os restantes produtos da gama Revitalift Laser